sexta-feira, agosto 04, 2006

Cello

Descobri a sonoridade do cello recentemente, quando estava ouvindo umas trilhas para o Histórias Curtas. Fiquei encantada. Aí, essa semana teve um encontro de cellos no Goethe e fui ver um concerto de música barroca italiana, com dois cellos e um cravo. Pra ser sincera não gostei muito da sonoridade do cravo, mas o cara tocava tri bem. O legal foi que pude perceber que o cello é muito legal mesmo. Uma sonoridade que vibra um monte. Não sei explicar. Aconselho.

2 comentários:

Jan disse...

Um acordeon tb faz miséria na alma. Aliado a um piano e um baixo acústico então.

Ed Siqueira disse...

Miséria na alma fez mesmo seu "Intimidade", que vi há pouco, na TV Cultura [ Zoom ].

Vou aconselhar aos amigos.